Agentes prisionais apreendem drone, celulares e drogas em penitenciária de Sinop

Em um dos casos, uma mulher foi presa enquanto tentava entrar na unidade com entorpecentes escondidos nas partes intimas

Por Luan Cordeiro 15/04/2019 - 11:25 hs
Foto: Divulgação

Os agentes prisionais da penitenciária Osvaldo Florentino Leite (Ferrugem) de Sinop (500 Km de Cuiabá), tiveram uma tarde de domingo (14) movimentada. Ao todo foram apreendidos três aparelhos celulares, carregadores, um drone e 18 porções de substância análoga a maconha.

No início da tarde, três jovens, que não tiveram as identidades reveladas, foram presos em uma mata nas proximidades da penitenciária. Segundo o boletim de ocorrência, os suspeitos tentavam enviar três aparelhos celulares e carregadores em um drone para a parte interna do Ferrugem.

Os agentes que estavam de plantão avistaram o objeto e o seguiram. Quando o aparelho foi interceptado os suspeitos fugiram para a mata, mas foram cercados e detidos. Eles foram encaminhados a delegacia de Polícia Civil.

Essa seria a segunda tentativa dos suspeitos. Conforme informações da polícia, no mês de março eles teriam tentado praticar o mesmo crime. Entretanto, um dos agentes disparou um tiro de fuzil no aparelho e os acusados conseguiram fugir.

Ainda durante a tarde, no horário de visitas, uma mulher de 22 anos, foi presa após tentar entrar com 18 porções de substância análoga a maconha na penitenciária. Conforme o boletim de ocorrência, os entorpecentes estavam escondidos nas partes intimas da acusada.


A mulher teria demonstrado nervosismo após ser submetida a revista pessoal padrão. Os agentes perceberam e a levaram até uma unidade hospitalar do município. No local, a mulher passou por um exame de raio-x e as drogas foram localizadas.

Após os procedimentos, ela também foi encaminhada para a delegacia de Polícia Civil.