Autoridades dão continuidade aos trabalhos da Operação Trype em garimpo ilegal

Garimpeiros protestam para continuar explorando a atividade na área, mas a lei estabelece que a lavra garimpeira precisa ser outorgada pela União

Por Luan Cordeiro 09/10/2019 - 10:53 hs
Foto: Cioaper

Nessa terça-feira (08), segundo dia da operação Trype, em Aripuanã (597 Km de Sinop), ao contrário do primeiro dia, nenhuma ocorrência policial foi registrada. Em decorrência da grande tensão que se instaurou no município, a cadeia pública chegou a ser reaberta, porém, também não recebeu nenhum preso.

Aproximadamente 1.500 pessoas deixaram o garimpo ilegal já na segunda-feira (07). Em seguida, as autoridades realizaram a implosão do local, conforme a ordem judicial estabelecia.

Um dos momentos marcantes da operação, foi o protesto realizado por garimpeiros no centro de Aripuanã. A vontade dos envolvidos, é continuar explorando a área, mas a lei constitui que a lavra garimpeira deve ser outorgada pela união.

O ato foi considerado pacifico pelas autoridades. Policiais federais e militares, estabeleceram o diálogo com os envolvidos, ouvindo pontos e solicitações.

Um momento de tensão na ação, foi a morte do garimpeiro José Maria dos Santos, 45. Os moradores do local foram orientados a saírem dos barracos para uma área de triagem. Contudo, em um dos barracos, o homem disparou tiros contra os policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope), que revidaram a agressão e acertaram dois tiros no mesmo.

No barraco dele foram encontradas duas espingardas cartucheiras, uma de cano longo e outra de cano curto, de calibre não identificado. Além disso, havia embalagens de pólvora, chumbo, pote com espoleta, cartuchos intactos e outros deflagrados, além de dois recipientes de quantidade não especificada de substância semelhante a ouro.

A família de José Maria, que reside em Rondônia, reconheceu o corpo, que foi liberado na manhã dessa terça-feira (08).

As forças de segurança estaduais permanecerão mais algum tempo no município para reforçar o efetivo com objetivo de evitar aumento da criminalidade. (Com assessoria) 


Saiba mais: 

Polícia Federal deflagra operação para desarticular grupo que atua na extração e comercialização ilegal de ouro

Autoridades fecham garimpo ilegal em Mato Grosso durante a 2ª da Operação Trypes

Garimpeiro morre em confronto com militares do Bope durante 2ª fase da Operação Trype